steel deck ou laje mista

Steel Deck – Conheça o sistema e saiba quando usar

Curta no Facebook e saiba tudo sobre Construção à Seco!

O steel deck é uma solução ou sistema de aço perfilado que atua tanto quanto formas na hora de produzir a laje quanto como revestimento após a curagem do concreto.

Seus nomes alternativos são: laje colaborante e laje mista.

Como o Blog está sempre em busca de tecnologias inovadoras da construção, hoje abordaremos esse excelente sistema.

Independentemente de como seja chamada, essa tecnologia é utilizada especialmente para reduzir prazos na execução de obras e para otimizar suas etapas.

É possível encontrar diversas vantagens em seu uso. São elas: eliminação do uso de escoras ao se efetuar a concretagem e diminuição nas etapas dos processos tradicionais de construção.

Sua principal diferença em relação a laje convencional é o fato de que o steel deck necessita apenas de uma linha de escoramento.

Outras opções precisam de várias e acabam demandando mais trabalho e gastos.

Conheça mais sobre essa opção e descubra algumas de suas vantagens!

Saiba mais sobre o Steel Deck

laje mista obra

A laje mista atua como uma plataforma de trabalho segura e funcional. Faz com que funcionários trabalhem de forma confortável e sem preocupações.

Seus perfis metálicos autoportantes funcionam de forma semelhante a um diafragma horizontal que oferece uma trava à estrutura.

O steel deck atua de forma positiva também no quesito se sustentabilidade, gerando poucos resíduos, entulhos e poucas sobras.

Nem mesmo a forma usada no processo sofre descarte, uma vez que ela é parte final da estrutura e é reutilizada.

A laje colaborante pode ter sua tecnologia aplicada em diversos espaços. Especialmente em projetos comerciais, industriais e residenciais.

Espaços como hotéis, estádios esportivos, mineradoras e siderúrgicas já contam com o uso do steel deck.

Esse sistema funciona perfeitamente para espaços construídos com diversos andares.

Abrigando assim mezaninos e obras que possuem restrições em relação à espaços nos canteiros, bem como ampliações.

Quais são as principais características do sistema de Steel Deck ou laje mista?

O grande diferencial do steel deck é o fato dele precisar apenas de uma linha de escoramento, enquanto outras opções formam uma espécie de paliteiro em seu andar inferior.

A formação do sistema steel deck é basicamente comportada por chapas de aço galvanizado de formato semelhante a um trapézio. Possui resistência mínima à compressão e uma malha que atua contra fissuras através de uma tela soldada.

São as reentrâncias e ranhuras dos projetos que permitem seu correto funcionamento, fazendo com que o concreto adira corretamente às bases.

Em casos específicos é preciso até mesmo adicionar mais delas ao sistema para que sua resistência se torne otimizada.

Essas são algumas das vantagens do sistema, como no Light Steel Frame, é um

laje mista instalação

Acessórios do sistema

Algumas empresas que trabalham fixamente com o steel deck fornecem acessórios e adereços extras a serem inclusas em sua composição. São exemplos os tapa-ondas e arremates, além de suas telhas metálicas.

Esses acessórios para a segurança da estrutura de concreto.

A ideia de quem usa o steel deck é contar com praticidade e fazer o mínimo de retoques possíveis antes de seu uso.

Mas é preciso pensar nos usos do projeto antes da concepção da base, sendo, as vezes, essencial promover alterações para obter bons resultados.

Somente assim é possível manter o diferencial do steel deck, que é a baixa necessidade de escoras no projeto final. Para a escora propriamente dita, é possível usar tanto uma estrutura de concreto quanto opções metálicas.

A opção metálica é geralmente prioridade uma vez que vigas em geral são feitas nesse material. Oferece suporte aos sistemas. Porém, não existe nenhum problema em optar pelo concreto.

O steel deck é uma tecnologia que está sendo aplicada de forma relativamente nova. Porém, já tem apresentado diversas facilidades.

É importante saber que optar por chapas mais robustas oferece cobertura mais ampla de vãos, ainda que 0,8mm sejam suficientes para até mesmo 2,8 metros de cobertura.

Steel Deck no Brasil

No Brasil, as chapas mais utilizadas são as 0,65 mm, 0,80 mm, 0,95 mm e 1,20 mm.

As empresas que fazem as misturas dos materiais do steel deck são geralmente montadoras de estruturas metálicas.

Sua instalação é fácil de ser feita, sendo as formas içadas até o canteiro e colocadas sobre as vigas, que são alinhadas e fixas com o uso de pontos de solda do tipo bujão.

Se forem utilizadas as vigas mistas, sua conexão será feita a partir do stud bolt. Isso é um processo de soldagem que utiliza a eletro fusão. Para isso, são usados parafusos autobrocantes ou rebites. Em seguida, uma malha que não permite a presença de fissuras é posicionado e o processo está finalizado.

O processo após o posicionamento da malha é um procedimento que deve ser feito a partir de muito cuidado, pois não pode existir o acúmulo de peso em apenas um local da forma.

A recomendação de especialistas é o posicionamento da bomba de forma a ir espalhando lentamente o concreto em todos os vãos.

O concreto em sua forma mais fluida é a recomendação final, uma vez que ele evita que a estrutura vibre de qualquer forma. Após o concreto atingir 75% de resistência, os furos feitos para que o dutos passem dever ser feitos. Daí, o steel deck pode proporcionar à estrutura suas diversas vantagens.

Assim como o sistema Light Steel Frame vem crescendo de forma expressiva no país, o Steel Deck segue o mesmo caminho.

laje mista passo a passo

Com o steel deck atua em casos de incêndio?

O steel deck pode auxiliar também em situações que envolvam fogo pelo período de até 30 minutos.

A NBR-14323 (Dimensionamento de Estruturas de Aço de Edifícios em Situação de Incêndio) recomenda que sejam tomadas medidas que ampliem essa ação, especialmente para edificações que abriguem pessoas.

Para isso, pode-se adicionar armaduras adicionais durante o processo de produção, mesmo que eleve seu custo. Essas armaduras também atuam protegendo a pintura final e sendo jateadas com fibras isolantes.

Outra forma de reforçar o concreto é através da aplicação de uma fibra de aço chamada de dramix, segundo estudos e pesquisas. O dramix pode ser usado ao invés da tela soldada, atuando também contra os efeitos do fogo. Todos os ensaios feitos nesse propósito tem apresentado bons resultados.

Agora que você sabe mais sobre o steel deck, compreendendo seus usos e sua manufatura, informe-se mais sobre essa opções e conheça diversas vantagem que podem mudar sua forma de enxergar o ramo de construções.

Se diferencie no mercado e fique à frente da concorrência

Confira nossa sessão de Treinamentos Avançados para Construção Civil e fique sempre à frente!  

PUBLICIDADE: 

.              

 

2 comentários sobre “Steel Deck – Conheça o sistema e saiba quando usar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *